Parar de fumar – 10 Dicas para você que escolheu parar

Parar de fumar quer ajudar alguém? Não sabe por onde começar? Nós vamos te ajudar, mas a responsabilidade de deixar o cigarro é do fumante: Primeiramente a decisão e iniciativa de parar de fumar devem ser totalmente do fumante. No entanto, o apoio de amigos e familiares é bastante importante no processo.

Nós vamos lhe dar dez dicas para ajudar a deixar o tabaco de lado. Contudo não deve se limitar só a elas. Juntamente ao fumante, descubra a alternativa que mais se adéqua ao próprio perfil, assim sendo já comece a colocá-la em pratica.

Pegue leve com as criticas e julgamentos. Uma coisa que os não-fumantes não entendem é que a crítica, a pressão, bem como a cobrança prejudicam os que querem largar o cigarro. O pai, a mãe, o marido ou a esposa estão a fim de ajudar? Basta levar um copo d’água gelado para a pessoa que está no processo de parar de fumar. Pode oferecer uma fruta, convidar para um passeio, bem como propor uma atividade que dê prazer ao fumante. O importante é que o familiar ou amigo tente ajudar, mas sem muitos comentários.

 Exatamente para evitar cobranças, por isso alguns fumantes até preferem não comentar com ninguém que estão parando com o vício.

Parar de fumar – Dicas

Quer ajudar alguém a parar de fumar? Descubra primeiro se ele tem vontade de deixar o cigarro. A iniciativa tem de partir dele. E se ele realmente quiser, mostre essas dicas a ele:

1. Tenha determinação 

2. Marque um dia para parar

3. Corte gatilhos do fumo

4. Escolha um método: abrupto ou gradual

5. Encontre substitutos saudáveis

6. Livre-se das lembranças do cigarro

7. Encontre apoio de amigos, bem como familiares

8. Escolha a melhor alimentação

9. Procure apoio médico

10. Troque experiências em um grupo de apoio

O tratamento do tabagismo é oferecido gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Ligue para o número 136 e se informe em quais Unidades Básicas de Saúde e Hospitais de seu município o tratamento está disponível. 

Fora o tratamento oferecido pelo SUS, existem outros tratamentos naturais que são benéficos e no entanto e não possuem efeitos colaterais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *